COC – Centro de Oncologia Campinas

Detecção precoce de hepatites dos tipos B e C é aliada contra o câncer de fígado

As hepatites virais são responsáveis por mais de 1,3 milhão de mortes no mundo anualmente, de acordo com dados da Organização Mundial de Saúde (OMS). No Brasil, nos últimos 20 anos foram registrados 673.389 casos de hepatites, ocasionadas pelos vírus A (25%), B (36,8%), C (37,6%) e D (0,6%). Doença silenciosa, muitas vezes é descoberta em estágios avançados, após evoluir para cirrose ou câncer. O diagnóstico tardio da hepatite é uma das principais causas do hepatocarcinoma, ou carcinoma hepatocelular, tipo mais comum de câncer de fígado e o terceiro que mais mortes causa no mundo.