COC – Centro de Oncologia Campinas

Conscientização e combate ao linfoma é tema da campanha Agosto Verde Claro

Instituída pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a campanha Agosto Verde Claro trata da conscientização e do combate aos linfomas. “Em um determinado momento, ocorre uma mutação na célula chamada linfócito e ela passa a se multiplicar desordenadamente”, detalha Fernando Medina, oncologista do Centro de Oncologia Campinas.

O Linfoma é um tipo de câncer que se origina no sistema linfático. Febre vespertina, sudorese noturna e emagrecimento, além de crescimento ganglionar, como enumera Medina, são sinais importantes da doença. A campanha Agosto Verde Claro tem como objetivo orientar e conscientizar sobre os linfomas.

Os linfomas são classificados em dois grupos: de Hodgkin ou não Hodgkin. O primeiro tipo se espalha de maneira mais ordenada, é menos agressivo e tem melhor prognóstico de cura. “O Linfoma de Hodgkin é mais frequente entre adultos jovens, em torno de 20, ou então após os 60”, esclarece o oncologista. “O linfoma não Hodgkin tem evolução e prognóstico diferentes”, acrescenta.

Campanha Agosto Verde Claro

De acordo a Coalizão Linfoma, rede mundial de pacientes com linfoma, mais de 1 milhão de pessoas no mundo vivem com a doença, enquanto mil pacientes são diagnosticadas todos os dias.

A Campanha Agosto Verde Claro orienta e conscientiza sobre os linfomas. O hematologista Vinicius Borges Grilo, do Centro de Oncologia Campinas, lembra que nos últimos 20 anos houve grande avanço nos tratamentos. “A taxa de cura pulou de 40% para quase 85% dos casos”, explica.

Contudo, o diagnóstico precoce é aliado do sucesso do tratamento. “A avaliação médica regular sempre será a melhor forma de prevenção”.